Reconhecimentos de profissões do setor de serviços na CBO é conquista conjunta de entidades

0
451
Reconhecimentos de profissões do setor de serviços na CBO é conquista conjunta de entidades
Vistoriador de identificação veicular

Nas últimas semanas de março, a Abrafac e Anfravist conquistaram, com apoio da Cebrasse, o reconhecimento de duas profissões que são diretamente do setor de serviços: a de gerente de facility management e o vistoriador de identificação veicular na Classificação Brasileira de Ocupação (CBO), que é um documento que classifica e descreve todas as profissões, reconhecendo, nomeando e codificando os títulos e respectivas ocupações.

“Esta é uma das mais importantes conquistas para o setor de facility management, property e workplace”, comemora a presidente da Abrafac, Irimar Palombo. Segundo ela, o resultado é fruto do empenho irrestrito da associação, seu corpo diretivo, conselheiros e associados. O apoio da Central Brasileira de Serviços (Cebrasse) também foi outro fator determinante para o pleito. “Graças a atuação destacada da entidade em Brasília foi levar a solicitação do mercado de FM adiante”, destaca a presidente.

Gerente de facility management
Gerente de facility management

No caso da Anfravist, Ministério Público do Trabalho e Previdência reconheceu a função de vistoriador de identificação veicular na Classificação. O código atribuído à profissão é 4231-15 e a descrição sumária prevê que os profissionais podem realizar vistorias em veículos, emitindo laudos após verificar a autenticidade dos documentos e a existência de itens de segurança e equipamentos obrigatórios.

O diretor técnico da Anfravist, Edelson Mendes, comemorou a conquista, afirmando que a entidade se dedica ao fortalecimento do mercado, promovendo práticas éticas e sustentáveis através de padronização, acompanhamento e melhoria contínua dos processos. “O reconhecimento da profissão pelo Ministério do Trabalho é um importante passo para encerrar problemas que alguns profissionais tiveram com o Conselho Regional de Engenharia e Agronomia, o CREA”, afirmou.

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here