Abrasel e ANCAT promovem campanha de reconhecimento aos catadores

0
81

Parceria entre as associações busca destacar a importância dos catadores para a sociedade e para a cadeia produtiva do setor de alimentação fora do lar

A Abrasel e a Associação Nacional de Catadores e Catadoras de Materiais Recicláveis (ANCAT) anunciam o lançamento da campanha “De mãos dadas com catadores” com objetivo de promover a visibilidade e o respeito àqueles que desempenham um papel essencial para a vida no planeta, além de destacá-los como parte fundamental da cadeia produtiva dos bares e restaurantes.

Atualmente, o Brasil conta com mais de 800 mil catadores trabalhando de norte a sul, como é o caso da Carina dos Santos, catadora há 29 anos, e o Getúlio Andrade, catador há 28 anos, que estrelam a campanha.

Diariamente, esses trabalhadores passam em frente a milhares de bares e restaurantes espalhados pelo país, prestando um serviço essencial para toda a população. Em reconhecimento a essa importante contribuição, a Abrasel e a ANCAT alertam para a necessidade de que esses profissionais sejam tratados com respeito e gentileza.

“Catadores têm um papel importante para o nosso futuro, atuam de forma decisiva para fechar o ciclo dos materiais e tornar a cadeia produtiva mais sustentável. E vão além, eles são verdadeiros empreendedores de vida e queremos reconhecê-los e agradecê-los. Estamos convocando não só aqueles que trabalham e empreendem em bares e restaurantes, mas todos que quiserem apoiar e estar conosco nessa jornada”, explica o presidente-executivo da Abrasel, Paulo Solmucci.

“Estamos confiantes de que esta campanha em parceria com a Abrasel promoverá a visibilidade dos catadores e catadoras, especialmente com o setor de bares e restaurantes, e o reconhecimento da prestação de serviços dos principais atores da cadeia da reciclagem, e que fazem a economia circular girar de verdade no Brasil”, destaca o catador e presidente da ANCAT, Roberto Rocha.

Para Getúlio Andrade, que trabalha como catador há 28 anos em Belo Horizonte, ser bem recebido faz muita diferença no dia a dia. “Muitas vezes somos julgados pelo trabalho que a gente presta, né? Então acho muito importante ser reconhecido por este trabalho”, afirma Getúlio.

“Chegar para recolher um material e a pessoa te oferecer uma água, perguntar se você está precisando de alguma coisa, motiva a gente a cada vez mais a estar imbuído nessa causa. Já vai proporcionando muita gente a entender a importância que é fazermos a reciclagem, até para termos um mundo melhor”, finaliza.

De mãos dadas

A campanha conta com diferentes fases, cada uma delas destacando a integração e a colaboração entre catadores e o setor de bares e restaurantes. A primeira etapa tem foco em tirar esses trabalhadores da invisibilidade, com o chamado “Quem faz um trabalho de encher os olhos não pode ser invisível”.

Na sequência, o objetivo é alertar a todos sobre os pequenos gestos que deveriam ser a tônica do relacionamento com esses trabalhadores. Dar bom dia, perguntar o nome e oferecer um copo d’água são bons exemplos.

“Você consumiu, ele passou e a vida se renovou” dá o tom da terceira fase, cujo objetivo é integração desses profissionais a cadeia produtiva. “Queremos, num futuro próximo, promover ganho de eficiência para catadores, para otimizar o tempo das coletas e a qualidade do material recolhido, por exemplo. Entendemos que o primeiro passo para isso é criar uma relação de gentileza, acolhimento e parceria entre esses profissionais e a nossa sociedade”, afirma Paulo Solmucci.

A campanha é aberta a todos que desejam participar e grandes empresas parceiras da Abrasel já sinalizaram apoio.

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here