AMB na recepção aos residentes 2024 da FMUSP

0
47

A Associação Médica Brasileira (AMB) prestigiou a solenidade de recepção aos residentes de 2024 da Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo. O presidente César Eduardo Fernandes ocupou a mesa de honra ao lado de notáveis como o Prof. Dr. Roger Chamas, chefe de gabinete da diretoria FMUSP, representando a Profa. Dra. Eloisa Silva Dutra de Oliveira Bonfá – Diretora da FMUSP, o Dr. José Luiz Gomes do Amaral, assessor de gabinete da Secretaria da Saúde, representando o Prof. Dr. Eleuses Paiva – Secretário da Saúde do Estado de São Paulo, o eng. Antonio José Rodrigues Pereira- superintendente do HC/FMUSP, o Prof. Dr. José Antonio Sanches Junior vice-diretor clínico, representando o Prof. Dr. Edivaldo Massazo Utiyama – Diretor Clínico do HC/FMUSP, o Dr. Edson Umeda – Conselheiro do CRM/SP – representando o Prof. Dr. Angelo Vattimo – Presidente do Conselho Regional de Medicina do Estado de São Paulo (CRM), o prof. dr. Eduardo de Castro Humes – Coordenador do Grapal – HC/FMUSP, além da profa. dra. Izabel Cristina, Rios Humanização – HC/FMUSP, e o prof. dr. Guilherme Lepski, presidente da Comissão de Ética Médica do HC/FMUSP.

Em sua saudação, César Eduardo Fernandes agradeceu aos dirigentes do COREME do HC pelo convive e oportunidade de congraçamento com os jovens médicos em início de programa de residência médica nas mais diferentes áreas. Desejou a todos um aprendizado profícuo e muitas felicidades durante este rico período da vida de formação.

“Tenho certeza do orgulho que cada um de vocês está sentindo por terem conseguido tamanha proeza ao serem admitidos como residentes nesta instituição que tem, historicamente, sido referência no ensino, na pesquisa e na assistência de qualidade à população.  De outra parte e com base nos princípios hipocráticos que nos guia em nossa profissão, gostaria de lembrá-los de que embora seja motivo real de júbilo esta grande conquista, não percam jamais a humildade no trato com os pacientes, com os colegas de residência e com os superiores hierarquicamente. Sobretudo, honrem esta instituição que lhes oferece esta grande oportunidade. A medicina existe para bem cuidar das pessoas e dos pacientes. Não se deixem seduzir por vaidades pessoais”.

César Fernandes ainda pondereou que a residência é um momento extremamente relevante na longa carreira de um médico. “Praticamente nela é que se constrói todo alicerce que servirá de suporte para o exercício digno e competente da medicina. Se dediquem ao máximo. Procurem ganhar com a experiência dos competentes médicos e docentes que os acompanharão no dia a dia. Ademais, as relações pessoais nascidas neste período se constituirão em patrimônio valioso para a vida de cada um de vocês.”

Por fim, aproveitou a chance para conclamar os novos residentes a participarem ativamente do associativismo médico.

“Tenham certeza de que a Associação Médica Brasileira nos representa em todas as instâncias formais onde são decididas as políticas de saúde e o bom exercício da medicina. Temos atuado fortemente junto aos Ministério da Educação, da Saúde e no Congresso Nacional para levar os nossos pleitos para a boa assistência médica à população e o bom exercício de nossa profissão. Não podemos prescindir no movimento associativo do jovem médico. Associem-se à AMB para que possamos juntos lutar por um futuro melhor para a nossa profissão”.

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here